<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d15739561\x26blogName\x3dVampiria\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLACK\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://satanlandia.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3den_US\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://satanlandia.blogspot.com/\x26vt\x3d564692475540933994', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>

Tuesday, February 21, 2006

Imperturbável pranto

Créditos: Guilherme Limas, www.olhares.com

Há uma leveza intransponível em mim, uma doçura açucarada no meu peito, uma melosidade ingente que geme de dor se desapareces na bruma pálida da existência. Há pranto de saudade em mim, lágrimas doces de ti.

Mas a escuridão é tremenda, porque te ausentas. A escuridão atravessa-me como um punham em chamas, porque não me abraças. A vida é tempestade revolta quando vociferamos, sabias, Amor?

Sabes, sim...

Friday, February 17, 2006

Aurora

Da noite bela, advém sempre o dia, seu companheiro de luz.

O renascer é a mais bela chama de esperança do humano. Da pressão incontornável da vida, advém a força de vontade da auto superação do nosso limite carnal. Daqui começámos, daqui continuaremos, até que a morte me aparte de vós.

Vampiria